O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, decretou Estado de Calamidade Pública na cidade por causa da chuva. O Decreto foi publicado no Diário Oficial do município desta quinta-feira (11). Dez pessoas morreram no temporal que atingiu a capital fluminense a partir do fim da tarde de segunda (8).

“Considerando que as fortes chuvas que atingiram o município nos últimos dias resultaram em enchentes e deslizamentos em encostas que colocam em risco inúmeras habitações, expondo a risco de morte considerado contingente de pessoas, além de danos materiais, ambientais e prejuízos econômicos, o que denota situação necessária à declaração de Estado de Calamidade Pública”, afirma o texto da publicação.

A decisão afirma ainda que a decisão auxilia na tomada imediata de medidas emergenciais para que, em cooperação com outras esferas de governo, os problemas causados pela chuva sejam combatidos.