Uma menina de 16 anos foi morta dentro da casa onde morava, após ser esfaqueada com cerca de 20 facadas pelo ex-padrasto de 56 anos, em Campo Formoso, município do norte da Bahia, na segunda-feira (8). Segundo o G1, o delegado responsável pelo caso, Edilzo Santana, informou que o suspeito cometeu suicídio depois de matar a adolescente.

O suspeito, identificado como Charles Gomes Maia, estava separado da mãe da jovem e tentou uma reconciliação. Durante a conversa com a ex, eles acabaram discutindo em uma rua da zona rural da cidade. Após a briga, Charles foi até a casa dela e matou Ana Júlia Maia Correia.

Ainda de acordo com a publicação, a polícia disse que o suspeito já foi ao local armado e encontrou a ex-enteada sozinha. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionado, mas Ana Júlia e Charles mortos já foram encontrados mortos. Os corpos foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da região.