Um homem, de 48 anos, investigado por estuprar a neta, de oito, teve a prisão temporária cumprida nesta terça-feira (21), por investigadores da Delegacia Territorial (DT) de Santa Luzia. Expedida pela Vara Crime de Camacan, a ordem judicial foi cumprida no distrito de Betânia. "Recebemos informações de que os abusos ocorreram em duas ocasiões e há cerca de duas semanas", informou o delegado Renato Fernandes Ribeiro, que apura o crime. "Estamos ouvindo testemunhas e coletando mais informações, com o objetivo de elucidar o caso", ressaltou o delegado, acrescentando que vai solicitar acompanhamento para vítima, pelo Centro de Referência de Assistência Social (Cras). O suspeito foi encaminhado para o Conjunto Penal de Itabuna, onde permanece à disposição do Poder Judiciário.